Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 15 de abril de 2013

UM MALDITO SONHO






1-Por meio da inspiração
Ao dormir eu logo sonhei
Foi um horrível pesadelo
Ainda bem que acordei.
Venho aqui relatar
Em verso quero narrar
Tudo que eu passei.

2- Sonhei que no velório
Com minha família estava
Varias flores brancas
Alguém o corpo enfeitava.
Grinalda perto do caixão
Um padre fazendo oração
E a família toda chorava.

3-A ansiedade era grande
Fui ver quem tava deitado
Ao aproximar do caixão
Fiquei decepcionado.
Eu não quis acreditar
Mais acabei de avistar
Meu corpo sendo velado.

4-Naquele momento avistei
Uma velha com a foice na mão
Cercava com toda paciência
Próximo aquele caixão.
Uma velha feia e magrela
E ainda toda banguela
Com um saco de sapato na mão.

5-Ela não tinha dente
E nem língua pra falar
Coberta com um pano branco
E aquela foice pra me mostrar.
Um saco de sapatos ele botou
E pra mim logo mostrou, e pensei:
-ela vai em mim calçar.

6-Vários pares de sapatos
Em mim ela provou
Como calço 43
Esse numero não encontrou.
Ela ficou muito revoltada
E saiu indiguinada
E sua foice guardou.

7-Eu vendo aquilo tudo
Comecei por Deus chamar
Fui acordando do sonho
Depois de muito rezar.
Aos poucos fui acordando
Meu filho tava me chamando
- ta na hora de trabalhar.

8-Acordei todo assustado
O coração batendo forte
Disse a minha esposa
Que tinha sonhado com a morte.
Pra ela tudo, triste relatei
Confesso que muito chorei
E o sol nascia tão forte.

9-Escrevi esse cordel
Pra quem quiser acreditar
Recebi a inspiração
Pra poder aqui narrar.
Quem falar que ela não existe
Quero ver você triste
Se um dia ela lhe visitar.



10-Hoje busco muito a Deus
E clamo por ele em oração
Pra ele sempre me livrar
Dessa triste tentação.
Hoje tenho mais sorte
Não vi mais a morte
Deus me deu a libertação.

11-Termino aqui esse cordel
Tenho que a Deus agradecer
Foi ele quem deu a inspiração
Que escrevi com muito prazer.
nesse blog será publicado
Por esse poeta postado
Dedicado para você.

João pessoa, 15 de Abril de 2013

Armando Morais


Um comentário: